Janeiro Branco: o que é essa campanha e o que ela defende?

3 minutos para ler

Quem nunca ouviu falar sobre o Outubro Rosa ou Novembro Azul? Bem, são meses muito importantes para a conscientização da saúde da mulher e do homem. Porém, não são apenas eles que apresentam essa característica. Você conhece o Janeiro Branco?

Pois bem, assim como os meses já citados, essa campanha tem como principal objetivo a consciência em saúde da população. Neste caso, o aspecto envolvido é a saúde mental, tão importante, mas também tão deixada de lado.

Levar a população a refletir sobre a importância disso é uma maneira muito relevante de se incentivar o autocuidado. E você, tem deixado sua saúde mental de lado? Continue a leitura!

Entenda o que é o Janeiro Branco

Ano novo, vida nova. Este é o pensamento que fica na mente de muitas pessoas durante a virada de ano. Sem dúvidas, a passagem de ano é carregada de simbologias, principalmente no aspecto de renovação e de metas.

Não é à toa que o mês escolhido para falar sobre saúde mental seja logo janeiro. É pegando carona nas reflexões e nos planejamentos de início de ano que a saúde mental surge como pauta.

Não, não é só com o Setembro Amarelo que ela deve ser debatida. Na verdade, quanto antes a população for conscientizada, melhor. Todas as mudanças serão carregadas ao longo daquele ano e dos próximos.

Saiba quais são os principais objetivos

Claro, o principal objetivo você já sabe: falar sobre saúde mental. Apenas o ato de falar sobre ela já é de grande importância. Infelizmente, é uma pauta que ainda representa um tabu para boa parte das pessoas.

É justamente essa quebra de paradigmas que a campanha busca provocar. Sabemos que atualmente as pessoas mais jovens já apresentam contato um pouquinho maior com essa realidade.

Porém, é preciso fazer uma mudança mais profunda, ou seja, estimular uma cultura voltada para a saúde mental até nos mais velhos. E faz sentido, não é mesmo? Afinal, todos os seres humanos precisam lidar com emoções e com situações diárias que influenciam no modo de vida e bem-estar.

Veja como cuidar da saúde mental

Pois bem, já vamos dar uma boa notícia: o cuidado com a saúde mental pode reduzir problemas não só psicológicos, mas também físicos. Isso acontece porque o emocional de uma pessoa pode, sim, gerar manifestações físicas de seu estado.

Além disso, é muito importante considerar que existe uma linha tênue entre o que é normal e o que é patológico. E não há problema algum nisso! O problema mesmo é deixar de consultar profissionais especializados e receber o melhor acompanhamento.

Assim, não espere muito tempo! Quanto antes buscar ajuda, melhor! Que tal começar pela psicoterapia? Se necessário, o profissional pode indicar a necessidade ou não de um acompanhamento psiquiátrico.

Por fim, o Janeiro Branco vai estimular não só a ida aos profissionais da saúde — que também é muito importante. Vai, ainda, mostrar que o autocuidado faz toda diferença para a saúde mental. Por isso, adote hábitos de vida melhores, que prezem também pela parte física. Evite situações que te exponham a estresses constantes e, caso tenha dificuldade para sair delas, não hesite em procurar ajuda.

Gostou do conteúdo? Curta nossa página no Facebook e não perca os próximos assuntos!

Posts relacionados

Deixe um comentário